Quando olho para um orçamento a minha primeira pre…

Quando olho para um orçamento a minha primeira preocupação é de saber se ele é realista ou não, ou seja, se pode ser cumprido e se não está exagerado. Será que 30 milhões de euros é muito para uma câmara como a nossa?? E logo aqui gostava de ouvir o comentário da oposição. Gastavam mais ou menos do que isto?? E se gastavam mais em quê e onde?? E com que dinheiro?? Sobre isto ainda não ouvi uma única palavra. E depois dizem que as obras vem quase todas do tempo do PS e pergunto eu o seguinte: Vamos parar com saneamento só porque vem do tempo do PS? Vamos fechar o cinema e a biblioteca pela mesma razão? Acho que não. E será que as obras são todas do tempo do PS?? Se assim fosse era mau sinal para nós e para o PS. Para nós por falta de obras nossas, mas para o PS porque andamos acabar as obras deles. Até podíamos dizer que gastamos o dinheiro todo a terminar as obras dos outros, pois eles não foram capazes de as acabar e deixaram tudo para nós. Mas devo confessar que agradeço a gentileza de terem deixado algumas obras emblemáticas para nós como a biblioteca e o cinema. Escusavam de ter deixado tanta coisa para nós inaugurarmos. Foram simpáticos o que muito agradeço. Mas não era preciso tanta simpatia. E peço desde já desculpa se nós no futuro não fizermos o mesmo.

Continuando a discussão sobre o orçamento olho ago…

Continuando a discussão sobre o orçamento olho agora para o discurso do meu camarada de assembleia Vladimiro Jorge. Diz ele que este orçamento é triste e pessimista. E pergunto eu se este orçamento fosse apresentado no tempo do PS se o comentário seria o mesmo?? Ou melhor se fosse agora o PS na câmara com um orçamento igual a este se também seria um orçamento triste e depressivo? Aposto que não e cá está o problema. Estas análises não são propriamente sobre o orçamento, mas sim sobre quem está na câmara. O problema não é o orçamento, mas sim quem governa. O orçamento até podia ser o melhor do mundo, mas havia sempre algum defeito a apontar. Portanto, ainda não vi até agora nenhuma análise rigorosa sobre o orçamento e não ser aquela que foi feita na comissão de economia e finanças.

Ontem tivemos Assembleia Municipal para discutir o…

Ontem tivemos Assembleia Municipal para discutir o orçamento e o plano de actividades. Acabou mal a discussão com o PS a querer abandonar a sala. É um longa história que contarei mais à frente. Mas estas discussões do orçamento são sempre discussões viciadas. A oposição pinta de negro o orçamento e nós de rosa e no fim passa sempre. A oposição vota sempre contra e nós a favor. Não há nada a fazer e perdemos nós tempo a ouvir a mesma conversa gasta. Os argumentos da agora são os nossos do passado e vice-versa. Não há grandes novidades. Por isso estou calado. Não tenho nada para dizer e se todos fizessem como eu era tudo mais rápido. Mas tem graça ouvir tanta tragédia em relação ao orçamento. É tudo tão mau, tão negro. Mas vejo aqui na minha bola de cristal que vamos ganhar novamente a câmara em 2005 e por uma razão muito simples. Vamos cumprindo o que prometemos. Mas será que ainda alguém se lembra do que vocês prometeram???