A telescola

Quando o Estado Novo passou a escolaridade obrigatória de 4 para 6 anos gerou-se um duplo problema com esta medida. Por um lado, o parque escolar existente não tinha capacidade física para dar resposta a esta nova exigência, por outro não existia um corpo docente preparado para este novo desafio. Corria o ano de 1964 e o Governo de Salazar lembrou-se então de criar a Telescola, que ganhou forma no ano seguinte com o início das emissões regulares da TV Escolar.

Para resolver o problema das instalações, o Ministério da Educação mandou montar os postos de recepção (além das escolas) em vários locais, como centros paroquiais, salões de bombeiros, casas do povo, juntas de freguesia, associações etc… Tratou também da formação de vários monitores para explicar o que os professores diziam no ecrã da TV e trabalhar com os alunos.

Por cá, a telescola também teve um posto. Julgo que surgiu já depois do 25 de Abril, mas não tenho bem a certeza. Funcionava junto à escola primária num pavilhão pré-fabricado e muita gente passou por lá para obter o 6º ano. Costumava-se dizer que quem não estava destinado a prosseguir os estudos, ia para a telescola. Os outros (os destinados) já seguiam para o ciclo. E percebe-se porquê. O grau de dificuldade na telescola não era o mesmo do ciclo. A telescola era apenas para cumprir o ensino obrigatório.

Morreu quando o ensino obrigatório passou a ser de 9 anos. Aí toda a gente começou a ir para o ciclo e acabou-se a telescola. Mas é curioso. Há quem diga que os que saem agora com o 9º ano sabem tanto como os outros antes com a telescola. Julgo que não, mas não deixa de ser uma comparação curiosa.

Anúncios

19 thoughts on “A telescola

  1. A telescola foi a maior porcaria que poderia ter sido instaurada no nosso país. A minha mãe tirou, tirou o 6º ano, e agora pretenderia tirar o 9º ano por razões profissionais, e o diploma da telescola não aparece. O que faz com que a minha mãe apenas tenho o 4º ano. UMA VERDADEIRA PORCARIA!

    • Cara Filipa.
      Lá porque se verificou um problema, não significa que uma medida desta tenha sido um fracasso.
      A situação à qual se refere é de secretaria, por favor não confunda as situações.

      • Também concordo com a Maria, está a confundir um problema de secretaria ou de arquivos com um sistema de ensino, eu pessoalmente acho que a telescola foi um bom método de ensino.

  2. Ola, agradeço que alguem me envie um numero de telefone, ou, outro tipo de contacto, para poder fazer um pedido de um certificado de habilitações. Obrigado

    • amigo Fernando ventura o contato e o seguinte D Camila do Sacramento Sequeira Paiva Assist Tecnica DREN TELF 225191900 FAX 225191999

    • amigo Fernando ventura o contato e o seguinte D Camila do Sacramento Sequeira Paiva Assist Tecnica DREN TELF 225191900 FAX 225191999 VILA NOVA DE GAIA

  3. Por motivos profissionais preciso do diploma do meu 6º ano da telescola,como posso obtelo? Podem medar o numero de telefone ou o E-mail? Para fazer o meu pedido,obrigada e espero que me ajudem.

  4. Por motivos profissionais preciso do diploma do meu 6º ano da telescola,como posso obtelo? Podem medar o numero de telefone ou o E-mail? Para fazer o meu pedido,obrigada e espero que me ajudem.

  5. Por motivos profissionais preciso do diploma do meu 6º ano da telescola,como posso obtelo? Podem medar o numero de telefone ou o E-mail? Para fazer o meu pedido,obrigada e espero que me ajudem.

  6. A Telescola foi uma grande ideia incorporada numa escola primária, passando a chamar-se escola primária e preparatória. Constitui uma solução para quem não podia ou vivia numa área onde não houvesse liceu. O 2º Ciclo da Telescola tem a mesma preparação e formação do 2º Ciclo dos Liceus. Excepto, nos idiomas (na telescola era o francês) e Educação Fisica (porque não havia professores preparados para essa disciplina). Mas obtém o diploma com acesso ao 3º ciclo dos Liceus.

  7. Vejo que as pessoas que colocaram aqui comentarios são uns grandes ignorantes!!! Tenho 35 anos, estudei na tele-escola, sou licenciada em Engenharia Quimica, um mestrado em Engenharia de Processos Industriais e sou Directora de Produção de uma grande empresa! Considero que a Teleescola foi a “minha escola”. Pensem duas vezes antes de dizerem asneiras!

  8. Visto que a tele-escola foi a “minha escola” gostaria muito de poder ter acesso a uma aula qualquer para eu poder guardar como recordação. Alguem sabem onde e como poderei encontrar?

  9. A TELESCOLA foi durante vários anos a única hipótese de alfabetização no nosso país, abrangendo inúmeras crianças que de outra forma NUNCA teriam oportunidade de evoluir.
    Para além de aperfeiçoarem e adquirirem novos conhecimentos de Língua Portuguesa, Ciências e Matemática, aprenderam uma língua estrangeira, Francês que foi uma mais valia indiscutível…
    O facto das aulas serem com o apoio da televisão também foi um enorme impulso no ensino, pois dotava os profissionais de material muito bem estruturado e evoluído, naturalmente para privilégio dos alunos.
    Os benefícios destas crianças do interior refletiram-se positivamente e despertou-as para um futuro não tão escuro como seria sem a TELESCOLA.
    A dinâmica destas escolas também gerou nas comunidades uma proximidade mais reponsável e de sã intercâmbio.
    Reconheçamos este ensino, a TELESCOLA, que afinal contribuíu para que todos os alunos que por lá passaram …despertassem para o mundo maravilhoso do conhecimento.

  10. Boa Tarde, o meu pai também estudou na telescola, porque andava na escola normal e disseram lhe q tinha de estudar mais 2 anos para concluir os estudos. E foi o que fez. Agora o meu pai por motivos profissionais precisa do certificado de habilitações, e eu gostaria de saber como é q faço para ter acesso, se é possivel darem -me um numero de contato, ou o e-mail, obrigado pela ada.ju

  11. todos se queixam se não é do gato é do cão, estudei dois anos c exelentes notas , principalmente a matematica onde era pessima, e nao me queixo, pelo contrario

  12. Tenho 23 anos e estudei na telescola, apanhei o último ano do ensino. Só tenho a dizer coisas boas. Quem não passou por lá, pensa que por ser um ensino mediatizado (no caso só aulas à tarde) é mau. Não é. Aprendi mais e melhor que os colegas a quem me juntei quando mudei de escola para ir para o 7º ano. Não é a ter um dia inteiro de aulas que os alunos vão aprender mais, é preciso tempo para outras atividades e para que a matéria seja consolidada. e o resultado está à vista com o método de ensino de hoje. Não me senti prejudicada em nada.

    Nunca reprovei, sempre tive sucesso escolar e até estou a terminar uma licenciatura na área da saúde… Não somos todos iguais mas como veem não foi o ensino que me prejudicou. e quem não sabe o que é, que não fale!

    Parabéns pelo artigo!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s